Gostou? Compartilhe !!!

terça-feira, 13 de dezembro de 2011

Um pobre animal indefeso prestes a cair no mais profundo abismo

Sinto as feridas da vida em um ardente sentimento a queimar meus olhos, sinto-me um pobre animal indefeso prestes a cair no mais profundo abismo celeste.


Sobrevoei seu mundo sem perceber as lagrimas que caíam dos meus olhos, caí em teu jardim de gelo e senti meu coração parar e congelar enquanto seu suspiro quente arrepiava minha alma. Penso em ti.
As vezes penso que estou sozinho neste horizonte frio onde vejo tudo congelar, onde apenas o tempo passa ileso, onde apenas meu sentimento de querer abraçar-te cobrem todas as minhas expectativas de inexistência carnal. Jamais pensei estar preso em tua gaiola de puro cristal. Mas fui eu quem sobrevoou seu mundo. Mais uma vez estou a cair neste negro e profundo abismo sentimental.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...